Blog dedicado à unidade curricular de Jornalismo Televisivo da Universidade Lusófona do Porto

Terça-feira, 01 de Abril de 2014

Texto pivô:

A rápida difusão da internet exerce mutações, no modo de vida das sociedades. De acordo com o inquérito realizado, em 2013, pelo Instituto Nacional de Estatística, mantém-se uma tendência no acesso das famílias, às novas tecnologias da informação e da comunicação.

 

 

 

 

 

Voz off 1: À medida que as tecnologias surgem e evoluem, a internet tem vindo a tornar-se cada vez menos visível. Hoje, é utilizada em qualquer meio ou lugar.

 

Voz off 2: Em que locais e quais os meios utilizados para aceder à internet?

 

Entrevistado 1: Em casa, utilizando o computador portátil e também tenho uma Pen.

 

Entrevistado 2: Em casa, em todos os locais onde existe Wi-Fi e também no trabalho.

 

Entrevistado 3: Em casa, através do computador e fora de casa através do iPad.

 

Voz off 3: Quase todas as famílias com computador e acesso à internet fazem-no principalmente em casa. Estas conectam-se através de banda larga, o que permite uma maior velocidade na navegação e na realização de atividades, através da internet.

 

Voz off 4: Todos os dias, milhares de portugueses utilizam o Google, o Facebook e o Youtube, como ponto de partida na internet.

 

Voz off 5: Quais são os sites mais visitados?

 

Entrevistado 4: Motores de busca, essencialmente, o meu próprio site e depois a meteorologia, por exemplo, e às vezes notícias histéricas, desporto, política.

 

Entrevistado 5: O E-Mail, o Google, motores de busca, Facebook

 

Entrevistado 6: Eu visito muitos sites em termos de trabalho, tenho coisas relacionadas com a economia, essencialmente. Em termos de lazer, visito o Cinecartaz e visito sites essencialmente ligados com viagens, ou ligados com cidades que eu pretendo visitar, é essencialmente isso.

 

Voz off 6: A internet é indispensável na vida das pessoas, que a utilizam a qualquer hora e em qualquer lugar.

 

 

 

Texto: Hugo Ramos e Tânia Durães

Imagem e som: Vítor Pinto

 

 

 

 

 

publicado por taniaduraes às 04:46

Segunda-feira, 21 de Maio de 2012
Por: Jessica Santos e Sílvia Silva
O ecrã que está a ver agora poderá sofrer grandes alterações dentro de poucos anos. Televisões, telemóveis e os mais recentes tablets podem juntar-se num só ecrã. Os computadores e a internet fazem parte do quotidiano de cada vez mais famílias e os portugueses começam a adaptar-se.
publicado por Regina Machado às 22:56

pesquisar
 
Julho 2019
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


Últ. comentários
https://verdade-rigor-honestidade-diferente.blogsp...
Os portistas estavam muito confiantes, mas este nã...

blogs SAPO


Universidade de Aveiro