Blog dedicado à unidade curricular de Jornalismo Televisivo da Universidade Lusófona do Porto

Terça-feira, 21 de Abril de 2015

 

Pivô: A Casa do Evaristo é um café tipicamente português. Conheça agora este espaço.

 

Ó Evaristo, tens cá disto?

Off: Na Rua Fernandes Tomás nº 535, a Casa do Evaristo convida-o a entrar num agradável recanto.

Vivo: Gosto imenso do sítio, gosto imenso das pessoas, são quase uns vizinhos meus e, sempre que posso venho cá. Eles têm sandes de pernil também, pode funcionar como lanche. Provei alguma doçaria regional também que têm sempre. E É tudo muito bom, tudo caseiro e costuma ser tudo delicioso.

Off: Este não é um café igual a tanto outros. Algumas das nossas tradições estão bem presentes.

Vivo: Quando pensamos no projeto e queríamos um café, não queríamos que fosse mais do mesmo. E portanto, tentamos criar um conceito que fosse diferente e apelativo. Daí levou-nos às nossas raízes, das nossas raízes ao cinema português dos anos 40, ao Pátio das Cantigas, ao “Evaristo, tens cá disto?” e à Casa do Evaristo.

Um café como o nosso, acho que não existe em mais lado nenhum, portanto… A trazer um bocadinho o sonho ao dia a dia.

O princípio de todos é sermos um café, portanto, tudo aquilo que um café pode oferecer de frios, quentes, doces, salgado, nós basicamente temos. Depois fazemos pequenas derivações que fazem toda a diferença: em vez de termos bolos como toda a gente tem, só temos doçaria regional; em vez de, por exemplo, termos sobremesas feitas em grandes produções, fazemos as sobremesas cá.

Nós só temos 7 meses de existência. Cada dia que passa, é o nosso primeiro dia.

publicado por Joana Oliveira às 22:25

Terça-feira, 07 de Abril de 2015

Pivô: O Café Del Rock é um espaço alternativo situado em Santo Tirso. O hard rock e o gosto pelo colecionismo estão presentes.

 

 

 

Off: A primeira mercearia tirsense transformou-se num espaço agradável. O Café Del Rock leva-nos a uma viagem pelos anos 80 e 90. O café surpreende pelo conceito, inspiração e diferença.

Entrevistado: Não existia nada do género, portanto acho que foi uma boa aposta. Não só do hard rock, mas anos 90, Ribeira do Porto.

Off: A faixa etária é dos 30 anos para cima, mas os jovens também param por cá.

Entrevistado: Os jovens… Existe aquela parte de quem está aprender música. As influências começam pelo rock e não pela música dita house. E depois a faixa etária mais alta, tem haver com os anos 80 e anos 90 que passam musiquinhas de quando eles eram jovens.

Off: A decoração tem um toque requintado, descontraído e vintage.

Entrevistado: É o gosto pelas antiguidades, o gosto pelo colecionismo. Alguns clientes têm determinadas peças em casa que não sabem o que fazem mas também têm pena de deitar fora, então oferecem. E acaba tudo por fazer um conjunto de uma decoração clássica onde faz com que as pessoas vejam objetos que lhes fazem relembrar ou os avós ou os pais.

Off: Há um espaço exterior para descobrir e uma curiosidade para desvendar.

Entrevistado: Isto foi a cereja em cima, no topo do bolo porque isto em Santo Tirso não é muito normal e foi o aproveitar de um espaço existente que era particular. Surgiu a ideia das guitarras que, foi formalizar as guitarras mais conhecidos dos vários artistas e, onde as pessoas identificam a guitarra A B ou C sendo da banda preferida deles, do guitarrista.

publicado por Joana Oliveira às 22:37

pesquisar
 
Julho 2019
D
S
T
Q
Q
S
S

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


Últ. comentários
https://verdade-rigor-honestidade-diferente.blogsp...
Os portistas estavam muito confiantes, mas este nã...
subscrever feeds

blogs SAPO


Universidade de Aveiro